Câmara promove debates e atividades culturais no Mês da Mulher Fonte: Agência Câmara de Notícias

A Câmara dos Deputados, por meio da Secretaria da Mulher, promove, desde a semana passada, diversas atividades em comemoração do Dia Internacional da Mulher (8 de março). O chamado “Março Mulher” terá exposição, sessões solenes, premiações, palestras, oficinas, audiências públicas e atividades culturais.
Confira a programação:

De 9 a 13 de março

  • Audiência pública sobre “Feminicídio: apresentação do Plano de Monitoramento da Violência – Observatório da Violência contra a Mulher”, em 11 de março, às 14 horas, no Plenário do Senado. A audiência é uma iniciativa da Comissão Mista de Combate à Violência contra a Mulher e será transmitida pelo e-Cidadania/Senado.

De 16 a 20 de março

  • Premiação da 7ª edição do Concurso sobre a Lei Maria da Penha, em 17 de março, às 17 horas, no Salão Nobre. Iniciativa da Secretaria da Mulher.
  • Audiência pública sobre “Violência Sexual, Tráfico de Mulheres e Exploração Sexual”, em 18 de março, às 14 horas, no Plenário do Senado. A audiência é promovida pela Comissão Mista de Combate à Violência Contra a Mulher e será transmitida pelo e-Cidadania/Senado.
  • Palestra “Saúde Emocional da Mulher Hoje”, com Maria Lucia Homem e Contardo Calligaris, em 19 de março, às 10 horas, no auditório Nereu Ramos. Para participar, é necessário fazer inscrição até o dia 18 de março.

De 23 a 27 de março

  • Debate sobre “Pauta Feminina: Avanços e Desafios da Mulher na Política”, em 24 de março, às 17 horas, no Salão Nobre. Iniciativa da Secretaria da Mulher da Câmara, em parceria com Procuradoria da Mulher no Senado.
  • Sessão solene “Mulheres Negras no Brasil”, em alusão ao Dia Internacional da Mulher (8 de março) e ao Dia Internacional de Luta pela Eliminação da Discriminação Racial (21 de março), no dia 25 de março, às 11 horas, no Plenário Ulysses Guimarães. A iniciativa é da Comissão de Cultura e da Comissão de Defesa dos Direitos da Mulher.
  • Oficinas de Turbante, dia 25 de março (turmas às 9 horas, às 11 horas, às 14 horas e às 16 horas), no Hall da Taquigrafia. Com duração de aproximadamente 1 hora, serão disponibilizadas 20 vagas por turma, com participação garantida por ordem de chegada. Não haverá inscrição prévia. A iniciativa é da Comissão de Cultura e da Comissão de Defesa dos Direitos da Mulher.

Da Redação – ND

Fonte: Agência Câmara de Notícias