Prefeitura de Maracaju e SESC – SENAC traz Unidade Móvel para capacitação

Na noite do último dia 24, aconteceu no plenário da Câmara de Municipal, no município de Maracaju, o lançamento da Unidade Móvel do SESC- SENAC, em uma solenidade que contou com a presença do seu Diretor Regional, Edison Ferreira de Araújo, o Prefeito Maurílio Azambuja, a Presidente da Cãmara, Edio Antônio Resende de Castro, vereadores; Beto Schwinn, Sebastião Arguelho, Bruno Barros, Nego da Acamar, Hélio Albarello, Thiago Caminha  o Presidente da Assema, Jesú Guimaraes, além de Secretários e público presente.

 

Estima-se que inúmeras pessoas sejam beneficiadas entre os meses de fevereiro e agosto através dos cursos oferecidos na área de informática, inglês de turismo, além de capacitações para garçons e comércio.

 

De acordo com o presidente da câmara, Edio Antônio Resende de Castro, esta Unidade Móvel simboliza a oportunidade de qualificação da mão de obra, por meio de cursos rápidos reconhecidos nacionalmente. “Esperamos que esta iniciativa contribua para a geração de oportunidade e renda para as pessoas que serão atendidas”, finalizou.

O Prefeito Maurílio Azambuja agradeceu a parceria do Sistena Fecomércio, Sesc e Senac e afirmou que essa unidade móvel abre novas oportunidades para a qualificação profissionais de jovens e adultos da cidade, gerando novas oportunidades de emprego. O prefeito citou como exemplo a aluna Samela que fez o curso de oficial de cozinha e passou em primeiro lugar no concurso publico de Maracaju.

Maracaju não é o primeiro município do Estado a receber a unidade móvel, que faz parte do projeto de interiorização do Senac/MS, que tem como objetivo ampliar a oferta de educação profissional nas cidades onde o Senac não possui unidade física.

 

As unidades móveis contam com uma infraestrutura completa, que vai desde os materiais e recursos tecnológicos até o acompanhamento pedagógico, sendo possível realizar as ações com a mesma qualidade das unidades fixas.

 

Cada unidade móvel conta com 19 computadores totalmente novos e com todos os recursos disponíveis. As máquinas ficam embutidas e quando não estão em uso, suas bancadas se transformam em mesas de estudo. Serão ofertados cursos de capacitação de 160 horas-aula, como o de Operador de Computador e cursos para as empresas que atuam nas áreas de vendas, financeiro e gestão.

 

 

Comments are closed.